O trágico século XX e a redenção na democracia dos biquínis

As pessoas falam do século XX como uma era de extremos, marcada por duas grandes guerras, milhões de mortos em campos de concentração…

Eis uma narrativa tão trágica que fica mesmo difícil encontrar um fragmento positivo, mísero saldo de felicidade num cenário de desumanização.

Ainda assim, é preciso lembrar de uma mudança fundamental ocorrida nas praias como locais de sociabilidade.

Antes, havia a exigência de um traje formal como em quaisquer outros ambientes de convívio urbano.

Roupas em demasia; tecidos muitas vezes pesados, pouco condizentes ao ir e vir das ondas do mar, ao encontro festivo do vento com a areia, ao sol ansioso por irradiar vitamina D.

Depois, no intervalo de poucas décadas (da belle époque ao aparecimento do biquíni!), desnudaram-se os corpos e ir além da fronteira para com o mar se tornou um genuíno bastião da liberdade: o reencontro com os humanos primitivos e a religação propositalmente anacrônica com o paraíso de Adão e Eva e Lilith e a Cobra.

Ao avançar para o litoral, a pólis alcançou as nuances que faltavam à democracia, dos gregos contemporâneos de Sócrates, Platão e Aristóteles aos vitorianos contemporâneos de Charles Darwin, Karl Marx e Sigmund Freud.

De modo que a praia como oportunidade para a exibição dos corpos em uma totalidade quase plena – atingida, claro, nas chamadas praias de nudismo – representa o aspecto acalentador do século XX, a redenção democrática na política do cotidiano.

A onda que se ergueu no mar pôde, enfim, lamber os banhistas com todo o vigor erótico que nos forjou como civilização.

Com a benção de deus (ou dos deuses), saudemos o biquíni!

Um comentário em “O trágico século XX e a redenção na democracia dos biquínis

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s